Image Map

quinta-feira, 6 de julho de 2017

"As coisas que perdemos no fogo", Marina Enriquez


Autor(a): Marina Enriquez
ISBN: 9788551001448
Páginas: 192
Editora: Intrínseca


► ADICIONE À SUA ESTANTE ◄
skoob

• • • 

Livro de contos da autora argentina Mariana Enriquez, o título do livro é baseado no último conto de 12 que foram publicados e um dos mais fortes (senão o conto mais forte do livro), todos se passando no próprio país da autora e senti que muitos deles ou talvez até todos também poderiam ser ambientados aqui no Brasil.

Alguns mais longos que outros, uns mais fantasiosos que alguns, mas todos mostram a sua maneira a dura realidade das cidades e das relações do dia a dia e como as mesmas podem causar dor e sofrimento, especialmente em grandes metrópoles.

Contos como "o menino sujo" e "sob a água negra", me deram a impressão de serem escritos por um brasileiro de tão parecida com nossa realidade: jovens mortos, crianças criadas em periferias, policiais corruptos e personagens que podemos encontrar bem próximos a nós.

"A hospedaria" e "Pablito clavo um Clavito", me lembraram bastante as histórias contatas na cidade do Recife: as mal-assombradas, com crianças sumindo, mortas (ou não), mas que marcam o imaginário de quem as escuta.

O conto que da nome ao livro foi um dos mais impactantes, visto que trata de mulheres que foram queimadas por seus companheiros e com isso iniciou-se uma revolução feminina onde algumas mulheres colocavam fogo em si mesmas como forma de protesto.

E assim se dão alguns dos 12 contos que a escritora brilhantemente fez questão de dividir com o mundo. Eu particularmente gosto bastante de livros que pareçam com a realidade de alguma forma, coisas mais reais e esse me encanou bastante. Me deixava curiosa pra saber o que iria acontecer com os personagens, a cada conto lido, queria conhecer a próxima história, próximo drama, chegando a me apegar a alguns desses personagens. 


0 Comments:

Postar um comentário