Image Map

domingo, 7 de agosto de 2016

"Sedução da Seda", Loretta Chase


Autor(a): Loreta Chase
ISBN: 9788580415698
Páginas: 304
Editora: Arqueiro

► ADICIONE À SUA ESTANTE ◄
skoob

• • •

Que eu gosto de romances de época não é novidade para ninguém. E que eu acho a escrita da Loretta Chase bastante empoderadora, mesmo falando de mulheres que viviam em uma época bastante castradora para o sexo feminino (não que hoje a sociedade não tente fazer o mesmo, mas isso é assunto para outro texto), também não é um segredo. Então quando soube que a Arqueiro ia lançar a série As Modistas já fiquei desejando poder ler os livros. 

No primeiro livro da série, conhecemos Marcelline Noirot, uma modista que trabalha junto com suas duas irmãs mais novas. Ela tem um talento fascinante e um passado complicado. Responsável pela sua família, ela decidi ir até Paris para atrair o duque de Clevedon e convencê-lo a levar sua futura noiva, Clara Fairfax, para ser vestida pelas irmãs Noirot. 

Com poucos escrúpulos, Marcelline e o duque começam a entrar num jogo de sedução que se torna algo muito maior que os dois esperavam. 

Talvez Sedução da Seda seja o romance de época que eu li, que mais fugiu dos clichês do estilo. É claro que não pode deixar de ter algumas resoluções características, mas todo o desenvolvimento da história e a construção das personagens, foge do habitual. É um livro extremamente empoderador e que reflete as variadas nuances de um mulher. 

Com uma protagonista que não é tão cheia de moralidade como muitas que lemos por aí, que é, além de decidida e forte, sexualmente bem resolvida e apaixonada pelo seu trabalho. Ela não é modesta, sabe que é inteligente, que é capaz de manipular quem quiser e não se preocupa em esconder esses atributos. Noirot é uma trabalhadora mundana, ardilosa, manipuladora. Maravilhosa! 

E o relacionamento dela com o duque é daquele tipo cheio de tensão, mas algo nada escondido, ou que eles relutam em assumir. Ambos se atraem desde o início e assumem o desejo que sentem um pelo outro de cara, sem nenhum tipo de disfarce. 

Junte a isso a narrativa agradável da Chase, com suas doses de humor sarcástico. Um livro que talvez não agrade a quem procura uma história água com açúcar muito convencional, mas que pode agradar bastante gente por ser bem feito e sair do lugar comum.


0 Comments:

Postar um comentário