Image Map

segunda-feira, 3 de agosto de 2015

"No Limite do Perigo", Katie McGarry

Autor(a): Katie McGarry
Páginas: 420
ISBN: 9788576863649
Editora: Verus

► ADICIONE À SUA ESTANTE ◄
skoob

• • •

Estava ansiosa para ler "No limite do perigo" por conta do Isaiah, que no ranking de personagens que amo nesta série fica em terceiro lugar (Noah e Echo ocupam os primeiros lugares). Seu visual sempre me deixou com aquela impressão de "sou casca grossa por fora, mas muito gentil quando gosto de alguém" e não errei. 

Rachel e Isaiah não tem nada em comum a primeira vista, mas o gosto de ambos por carros permite um encontro inusitado e cheio de adrenalina entre os dois. Depois de salvar a garota, que é o oposto dele em tudo, Isaiah precisa se manter afastado dela por questões alheias a sua vontade, mas como nada na vida dele é fácil, um assunto muito perigoso o obriga a se reunir novamente com Rachel em uma luta contra o tempo para saldar uma divida.

Esta série tem uma característica que adoro: mesmo que o romance seja o fio condutor da história, os problemas familiares sempre são abordados de forma maravilhosa. A Rachel, por exemplo, tem uma família numerosa, mas que parece funcionar de acordo com o estado de espírito da mãe. Seus irmãos são super protetores, embora seu gêmeo, Ethan, seja de longe seu melhor amigo. Adorei cada conversa que os dois tiveram, como eles se protegiam e como Ethan tentava fazer com que a irmã se sentisse segura; embora em alguns momentos ele cedesse à essa necessidade de agradar a mãe e pressionasse um pouco a irmã.

O Isaiah tem problemas sérios com a mãe e a autora tenta enfatizar o quanto isso o incomoda. O amor que ele tem pelo Noah e Echo, os quais considera família, é evidente, e ele não tenta esconder. Mas é com a Rachel que ele vai curar as feridas deixada pelo seu relacionamento complicado com Beth.

Entre os três livros da série, "No limite do perigo" foi o mais agitado, embora ainda goste mais do primeiro volume da série. Para mim as questões que a autora levanta são tão fortes e tão perigosas quanto as temáticas que envolviam Noah e Echo eram intensas. E o desenvolvimento dessas questões é muito bom e deixa o leitor curioso para ver como ela vai resolver. 

A narrativa da Katie é sempre ágil e ela vai fundo nas emoções dos personagens. Eles são realistas, cheios de defeitos e qualidades. Isaiah e Rachel são muito cativantes e é impossível não se envolver com a história dos dois, principalmente quando levamos em conta as cenas na parte final do livro. Leitura super recomendada.



0 Comments:

Postar um comentário